Quarta, 25 de abril de 2018

Notícia

Cadeirante receberá R$ 46 mil após condomínio negar ajuda de porteiros

Por Eli Braga Magalhães

Publicidade

Le Griff

Uma funcionária pública de Juiz de Fora (MG) será indenizada em R$ 46 mil após moradores terem proibido a ajuda de porteiros para ela subir a rampa íngreme que dá acesso da garagem aos elevadores do edifício onde mora. Além deste valor, Ana Tereza Baêta Camponizzi, de 59 anos, ganhou na Justiça o direito de ser ajudada pelos funcionários do condomínio. 

 

De acordo com o jornal 'Folha de S. Paulo', a decisão dos moradores foi tomada durante assembleia. O condomínio negou a ajuda, alegando que era uma “questão de natureza privada”. A Justiça afirmou que esta atitude “violou o princípio da dignidade da pessoa humana, de valor supremo na ordem constitucional vigente, como fundamento da República”.

Ana Tereza mora sozinha no condomínio Parque Itália há 15 anos. Ela virou cadeirante há seis anos, após um acidente de carro ter causado uma lesão medular.

"Quando os porteiros se recusaram a me ajudar — obedecendo a ordens, pois sempre foram atenciosos comigo —, minha sensação foi de incompreensão, tristeza e discriminação. Sempre fui bem tratada e acolhida nas mais diversas situações do dia a dia", revela.

A Justiça também determinou a instalação de uma plataforma elevatória, avaliada em R$ 39 mil, para que Ana consiga acessar os elevadores de forma independente. O condomínio não quis se manifestar sobre o caso.

 

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Google Plus
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no WhatsApp

Publicidade

Le Griff

Veja também

Japão, 30 mil suicídios por ano: riqueza, tecnologia, mas… vazio na alma
17 Abr

Japão, 30 mil suicídios por ano: riqueza, tecnologia, mas… vazio na alma

Bispo do país atribui as causas à falta de sentido existencial, conectada à profunda carência de espiritualidade e...

Cai percepção de que corrupção irá diminuir após Lava Jato
17 Abr

Cai percepção de que corrupção irá diminuir após Lava Jato

Os brasileiros estão mais céticos com os resultados da Lava Jato no combate à corrupção no país

Após protestos, HQ ganhadora do Jabuti é retirada de exposição
17 Abr

Após protestos, HQ ganhadora do Jabuti é retirada de exposição

Quadrinista diz que foi informado pela organização da mostra que havia protestos de grupos de policiais militares e...

Sem Lula, 34% dos nordestinos declaram voto nulo ou branco nas eleições
16 Abr

Sem Lula, 34% dos nordestinos declaram voto nulo ou branco nas eleições

Ex-presidente é candidato de cerca de metade do eleitorado na região

MAIS NOTÍCIAS

Publicidade

Parceiro
Eleições
Parceiro
Intellectus
Parceiro
Renault